Homepage Vacinação Em Gatos

MEU GATO NÃO SAI DE CASA, PRECISO VACINAR?

MEU GATO NÃO SAI DE CASA, PRECISO VACINAR?

PRECISA E DEVE!

Além de ser OBRIGATÓRIA POR LEI, o gato pode contrair e propagar doenças que são disseminadas através de BACTÉRIAS, VÍRUS, FUNGOS E OUTROS MICROORGANISMOS e são transmitidas através do contato direto ou indireto:

+ OUTROS ANIMAIS (outros gatos, morcegos, pulgas, carrapatos, insetos),

+ pelo AR

+ e até mesmo pela ÁGUA

E por isso a VACINAÇÃO PREVENTIVA é a melhor maneira de evitar isso.

Também se faz necessária a vacinação para animais que viajam com o tutor. Companhias aéreas, rodoviárias e marítimas só aceitam transportar os animais que tiverem devidamente documentados com Atestado de Saúde e Carteira de Vacinação emitidos por um médico veterinário.

QUANDO DEVEM SER APLICADAS?

QUANDO DEVEM SER APLICADAS?

A partir dos 60 dias de idade a taxa de anticorpos fornecidos pela mãe através do colostro começa a cair e é esta a fase ideal para começar o PROTOCOLO DE VACINAÇÃO

Após completar o PROTOCOLO de FILHOTE o animal deve ser vacinado com o REFORÇO uma vez ao ano.

QUAIS AS DOENÇAS QUE MEU GATO PODE CONTRAIR?

QUAIS AS DOENÇAS QUE MEU GATO PODE CONTRAIR?

  • Calicivirose
  • Rinotraqueíte
  • Panleucopenia
  • Leucemia Felina
  • Clamidiose

Doenças felinas transmissíveis ao Homem (Zoonoses)

  • Raiva
  • Giárdia
  • Ectoparasitoses (sarnas, pulgas, carrapatos),
  • Endoparasitoses ( Ancylostomíase, Toxocaríase, Dipilydiose, Coccicidiose, Dirofilariose)

Somente um médico veterinário consegue diagnosticar qual é a enfermidade e fazer um tratamento efetivo.

Portanto, o tutor deve ficar atento a alguns sinais clínicos mais comuns (febre, vômito, apatia, diarréia, emagrecimento, inapetência) e consultar um profissional adequado.

Quando a doença é diagnosticada precocemente os resultados do tratamento são sempre melhores.

VACINA PARA GATOS PODE DAR REAÇÕES?

VACINA PARA GATOS PODE DAR REAÇÕES?

É possível que alguns animais tenham alguma reação vacinal após a aplicação. Dentre os sinais mais frequentes estão:

  • Vômitos
  • Diarreia
  • Febre
  • Perda de apetite
  • Aumento de volume no lugar da
  • aplicação da vacina.
  • Prostração
  • Dor local

A reação vacinal geralmente acaba em 24 horas, mas, caso note qualquer alteração em seu animal de estimação, entre em contato com o Médico Veterinário responsável pela aplicação.

PROTOCOLO DE VACINAÇÃO RECOMENDADO PELA WSAVA

PROTOCOLO DE VACINAÇÃO RECOMENDADO PELA WSAVA

(ASSOCIAÇÃO VETERINÁRIA MUNDIAL DE PEQUENOS ANIMAIS)

de acordo com a idade:

IDADE      -     VACINA

8 semanas - 1ª dose Polivalente -  (Tríplice, Quádrupla ou Quíntupla)

12 semanas -  2ª dose da Polivalente - (Tríplice, Quádrupla ou Quíntupla)

16 semanas - 1ª dose Antirrábica

ANUALMENTE - 1 DOSE DE POLIVALENTE + 1 DOSE DE ANTIRRÁBICA

ALÉM DAS VACINAS TEM OUTRAS MANEIRAS DE PROTEGER O MEU GATO?

ALÉM DAS VACINAS TEM OUTRAS MANEIRAS DE PROTEGER O MEU GATO?

Conjuntamente com a VACINAÇÃO deve se fazer:

A VERMIFUGAÇÃO já que o animal fica exposto a uma série de endoparasitas que podem estar no ambiente, outros animais e/ou água.

E também temos que fazer uso de MEDICAÇÕES REPELENTES para os ectoparasitas (pulgas, mosquitos e carrapatos) que além de fazerem uma infestação podem transmitir outras doenças entre eles e para nós.

VACINAÇÃO ÉTICA E LEGAL

VACINAÇÃO ÉTICA E LEGAL

A vacinação ética é a que é feita somente por um médico veterinário após exame físico avaliando o estado de saúde animal.

Isso é fundamental porque a resposta esperada está relacionada à competência imunológica de um organismo saudável.

A  vacina pode não ser eficiente e não fornecer a proteção se o animal estiver subnutrido, sob estresse, com alguma doença em fase de incubação ou em terapia imunossupressora.

Por isso a escolha de um profissional competente faz toda a diferença.

Instagram

Something is wrong.
Instagram token error.

Facebook

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese